terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Tag: Livros Opostos

Andava eu a passear alegremente pelos blogs e Youtube quando me deparei com uma TAG que me pareceu engraçada. É a TAG dos Livros Opostos (vídeo original aqui), cujo objetivo é escolher livros da nossa estante que se oponham, de acordo com determinadas categorias. A ideia pareceu-me bastante engraçada e decidi fazê-la aqui no blog.

1 - Primeiro vs Último

 
Indicar o primeiro e o último livro que comprámos com o nosso dinheiro. Foi díficil identificar a minha primeira compra, mas estou segura de que este livro de Agatha Christie foi dos primeiros. Já Cinder, de Marissa Meyer, foi a minha aquisição mais recente.

2 - Barato vs Caro

 
Paguei apenas €1,5 (na verdade, acho que ainda foi menos uns cêntimos porque tive desconto) por Gente Vazia de Brian Keaney, mas, em contrapartida, paguei cerca de €22 por El Juego Del Ángel de Carlos Ruiz Zafón.

3 - Rapaz vs Rapariga


The Maze Runner destaca-se como um dos livros da minha estante em que o protagonista é um rapaz. Já em A Great and a Terrible Beauty, a protagonista é Gemma Doyle, uma adolescente da época vitoriana.

4 - Rápido vs Lento


Não foi por acaso que escolhi dois autores russos para esta categoria. O Jogador foi o primeiro livro de Dostoievski que li e adorei-o. Comecei a lê-lo numa bela tarde de Verão e quando mal dei por mim, estava a umas míseras 20 páginas do final. Resolvi deixá-las para o dia seguinte e por isso demorei apenas 2 dias a lê-lo. Já Doutor Jivago foi uma aventura.Não só não fiquei particularmente fascinada com história, como achei que a narrativa era demasiado arrastada e algo insípida. Não me lembro ao certo quanto tempo demorei a lê-lo, mas penso que foi cerca de 1 mês.

5 - Feio vs Bonito


Duelo de capas. Mais uma vez volto a destacar a capa de O Exorcista como a mais feia da minha coleção. Já a The Hobbit é das minhas preferidas e das mais bonitas da minha estante. Adoro-a e quando a vi este livrinho na FNAC nem pensei duas vezes, tive de trazê-lo comigo!

6 - Nacional vs Estrangeiro 


Apesar de ter outros livros de autores portugueses na minha estante, resolvi destacar O Funeral da Nossa Mãe de Célia Correia Loureiro, por ter sido uma autora que descobri através do Goodreads. Já de autores estrangeiros destaco Stephen King, cuja obra estou ainda a descobrir aos poucos.

7 - Curto vs Longo


Scarlett (sequela de E Tudo o Vento Levou), com as suas 957 páginas, parece um verdadeiro colosso ao lado de La Mécanique du Coeur de Mathias Malzieu, que conta com apenas 177 páginas.

8 - Ficção vs Não Ficção

   
Resolvi juntar estes dois livros pela temática comum, a morte. Heidegger e um Hipopótamo às Portas do Paraíso é um divertido livro de filosofia que aborda este tema de uma maneira bastante interessante, falando das várias teorias filosóficas que se dedicaram a este tema. Crónica de una Muerte Anunciada fascinou-me pela forma como relatou os eventos que culminaram na trágica morte de Santiago Nasar.

9 - Ação vs Romance


Um dos livros de maior ação que tenho na minha estante é, sem dúvida, Battle Royale de Koushun Takami. Gostei bastante deste livro, possivelmente até mais do que The Hunger Games. Já Perfect Chemistry é, possivelmente, dos livros mais lamechas que tenho. Não é dos livros que mais goste mas penso que se encaixa muito bem nesta categoria.

10 - Feliz vs Triste


Finalmente, tínhamos que indicar um livro que nos tivesse deixado feliz e outro que, por alguma razão, tivessemos considerado mais triste. Anna and The French Kiss foi, sem dúvida, um livro que me fez sorrir várias vezes, não só porque tem uma história e personagens fofinhas, mas também porque me parece ser um dos tipícos feel good books. Apesar de A Rapariga que Roubava Livros ser um dos meus livros preferídos e de a sua história ser fantástica, não posso deixar de reconhecer que é também incrivelmente triste e que não pude controlar as lágrimas em certos momentos. No entanto, é um livro excelente e que vale a pena ler!

Espero que tenham gostado :) 

Até ao próximo post e bos leituras :)

11 comentários:

paginasencadernadas disse...

Adoro TAGs :D Li muito poucos dos que mostraste, mas também tens aí alguns que já tenho só que ainda não consegui "encaixar" no calendário e autores que quero experimentar mas ainda não decidi com qual :(

Ana Costa disse...

Quais é que queres experimentar?

paginasencadernadas disse...

Que ainda não sei com que livro? Carlos Ruiz Zafron (escrevi bem o nome? )

Ana Costa disse...

Zafón ;) Hm experimenta o Marina. Só não digo para começares logo com A Sombra do Vento porque esse eleva pode elevar as expectativas e depois tornar mais dificil ler outra coisa dele

paginasencadernadas disse...

Humm... por acaso estava quase quase a pender para A Sombra do Vento, apesar de ter algumas reservas :) Vou aceitar a tua sugestão! Obrigada

Jose disse...

Gostei muito das tuas escolhas ^^
Já ouvi boas opiniões em relação a Cinder, estás a gostar?
Tenho também por ler o Maze Runner, mas o meu irmão está de momento com ele portanto tenho que aguardar :P

Ana Costa disse...

Cata, sugeri-te esse porque para começar me parece o melhor muito sinceramente, mas se depois gostares, então lê A Sombra do Vento porque é muito bom hehe

Obrigado Josén :) Li um terço de Cinder e estou a gostar bastante. Acho piada à versão cyborg de Cinderela. Depois fico à espera para saber o que achaste do Maze Runner, por acaso é uma série que não me des+ertou um grande interesse :S

Bjs e boas leituras :)

Carolina disse...

Gostei muito das escolhas! Só li "Crónica de Uma Morte Anunciada", mas tenho já para ler "A Rapariga que Roubava Livros" e "O Funeral da Nossa Mãe"! :)
Beijinhos!!

Ana Costa disse...

Obrigado Carolina :) espero que gostes desses livros ;)

Bjs

Mónica Silva disse...

Adorei as tuas escolhas! ^^
Fiquei cheia de vontade de fazer esta tag :D

Beijinhos*

Ana Costa disse...

Obrigado Mónica ;) Então leva a tag, que estou curiosa em relação às tuas respostas :)

Beijinhos

Enviar um comentário