sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

Balanço Leituras 2013

2013 foi, sem dúvida, um bom ano para ler. Já há bastante tempo que não tinha um ano em que lia tanto e coisas tão variadas. Descobri novos autores, adicionei novos livros à minha lista de favoritos, comecei novas séries e terminei outras ... 

De acordo com o Goodreads, eis as minhas estatísticas de 2013:

Livros lidos: 75
- Português: 37
- Inglês: 29
- Espanhol: 7
- Francês: 2
Total de Páginas: 20 412
5 estrelas: 11
4 estrelas: 31
3 estrelas: 27
2 estrelas:
Séries iniciadas: 6
Séries terminadas: 3
Séries abandonadas: 2

Melhores leituras de 2013


- 1984 de George Orwell: livro fantástico, intemporal e, em certa medida, assustador. Adorei este livro, fez-me reflectir bastante e penso, muito sinceramente, que é um clássico incontornável. Review aqui.

- Crónica de Una Muerte Anunciada de Gabriel García Márquez: quando ainda estava no secundário, assisti a uma apresentação deste livro e a história intrigou-me. No entanto, foi apenas este ano que tive, finalmente, a oportunidade de o ler e fiquei completamente rendida. À primeira vista parece uma história simples, mas a verdade é que não podemos deixar de pensar que está rodeada de um certo mistério e misticismo. Um livro absolutamente fantástico. Review aqui.

- Sangue Quente de Isaac Marion: foi o meu primeiro livro de zombies e fiquei agradavelmente surpreendida. Regra geral, não são histórias que me atraiam, mas este tinha alguns elementos que o tornavam verdadeiramente especial. Um livro diferente, com um zombies surpreendentemente simpáticos e engraçados. Review aqui.

- Os Homens que Odeiam as Mulheres de Stieg Larsson: esta trilogia sempre despertou o meu interesse e por isso, no início deste ano, decidi começar as minhas leituras com este livro. Um policial duro mas intrigante e inteligente. Lisbeth entrou directamente para o meu top de melhores personagens femininas. Review aqui.



- A Rapariga que Roubava Livros de Markus Zusak: uma história comovente, com uma perspectiva única. Tem personagens incriveis - nomeadamente Hans Hubberman - e mensagens importantes. Estou com alguma curiosidade em relação ao filme, mas, muito sinceramente, também tenho algum receio que não faça a devida justiça ao livro. Review aqui.

- La Saga de Los Longevos de Eva García Sáenz: este livro tinha tudo para falhar. Misturava demasiados géneros - ficção científica, ficção histórica, romance e pelo meio algumas coisinhas de arqueologia. Nem sempre é fácil que um livro com tantos elementos resulte, mas a autora fez um excelente trabalho. Uma história que nos prende desde a primeira página, com personagens fortes e bem delineadas e, acima de tudo, realista graças a toda a documentação consultada pela autora. Review aqui.

- A Quinta dos Animais de George Orwell: mais outro grande livro desde autor. Gostei bastante da forma como utilizou o animais para tecer a sua crítica e, mais uma vez, por ser um livro que apela à reflexão. Review aqui.

- La Sombra Del Viento de Carlos Ruiz Zafón: tal como o coração indica, foi o meu livro preferido de 2013. Envolvi-me bastante nesta história e no estilo do autor e fiquei de tal forma rendida que passei a incluir Carlos Ruiz Zafón na minha lista de autores preferidos. Review aqui.

Decepção de 2013



- Allegiant de Veronica Roth: não gostei da forma como a história foi desenvolvida no último volume da trilogia Divergente. Para além de achar que o final foi despropositado, penso, muito sinceramente, que a autora andou um pouco perdida no meio da história e que se dedicou demasiado a coisas que não faziam grande sentido, ao mesmo tempo que nos dava algumas respostas que, no entanto, não se mostraram verdadeiramente satisfatórias. Review aqui.

Em suma, foi um ano de boas leituras. Houve algumas excepções a esta regra, mas em geral posso dizer que me sinto bastante satisfeita com o que li durante 2013.

6 comentários:

Mónica Silva disse...

Excelentes leituras :)
Estou francamente receosa em relação ao Allegiant, tantas pessoas odiaram o final :X
Boas leituras para 2014! :D

Ana Costa disse...

Obrigada Mónica :)

Não sei se foi porque ia com algumas expectativas para o último livro da trílogia ou porque ansiava respostas decentes a todas as questões que tinha levantado nos outros dois livros, mas a verdade é que Allegiant não me convenceu. :S

No entanto, há pessoas que gostam deste livro e que, inclusivamente, entendem o final e acham-no compreensível. São gostos lol

Boas leituras :)

Catarina R. disse...

Excelentes leituras...temos um top e gostos parecidos:) Vou-te confessar algo..eu li Divergente e gostei mas não achei espectacular. Ponderei se devia continuar e acabei por decidir que não, que há outros livros que prefiro ler. Assim, fui cuscar spoilers de Allegient e realmente a trama pareceu-me meio estranha e fiquei feliz por não continuar a série porque acho que não iria gostar:P
Beijos

Ana Costa disse...

Lol e fizeste bem Catarina, porque a trilogia foi um pouco decepcionante no seu geral. Havia algumas coisas que me despertaram algum interesse, mas dizer que recomendaria hmm não me parece lol

Beijinhos

Carolina disse...

"A Rapariga que Roubava Livros" e "A Sombra do Vento" é para ler este ano!! *-*
Crónica de Uma Morte Anunciada foi o único livro que já li, dos que falaste! É muito bom! Também gostei! :D
Beijinhos!

Ana Costa disse...

São livros muito bons, espero mesmo que gostes :)

Beijinhos

Enviar um comentário